Fotografo: Divulgação
...
Veículo teve os vidros quebrados com pedras

Um motorista de aplicativo teve o carro apedrejado depois de confundir um passageiro com assaltante e tentar reagir, no Bairro Cristo Rei, em Várzea Grande, na região metropolitana de Cuiabá.
 
O motorista atendeu uma chamada na madrugada desta segunda-feira (4) e, ao chegar no local, ele se assustou com o casal de passageiros.
 
À polícia, o motorista contou que teve a impressão de que seria assaltado quando o cliente entrou no carro. Em seguida, eles começaram a discutir.
 
A mulher, que também era cliente, desceu do carro e jogou pedras. Ela fugiu do local após os vidros do veículo serem quebrados.
 
 
O motorista e o passageiro foram encaminhados à Central de Flagrantes e assinaram um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO). Em seguida, foram liberados.
 
Segundo a polícia, o passageiro não tinha nenhuma arma.